SINFAC / nco - santa catarina

Sindicato das Sociedades de Fomento Mercantil do Estado de Santa Catarina

Área Restrita | Entrar

REGULAÇÃO DO COAF PODE SER APERFEIÇOADA, DIZ MINISTRO SERGIO MORO, EM VISITA A SÃO PAULO

18/02/2019 - COAF
REGULAÇÃO DO COAF PODE SER APERFEIÇOADA, DIZ MINISTRO SERGIO MORO, EM VISITA A SÃO PAULO

 REGULAÇÃO DO COAF PODE SER APERFEIÇOADA, DIZ MINISTRO SERGIO MORO, EM VISITA A SÃO PAULO
Durante entrevista concedida logo após sua palestra na reunião-almoço do Instituto dos Advogados de São Paulo (IASP), na última quinta-feira (7), o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, disse ao Informativo do SINFAC-SP que a regulação das informações enviadas ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras sempre pode ser aperfeiçoada.
“O Banco Central lançou, recentemente, uma consulta pública no âmbito das instituições financeiras. Isso foi, talvez, não muito bem compreendido naquele momento, mas o BACEN colocar o tema para a coleta de sugestões da sociedade e de outros órgãos do governo é muito louvável”, exemplificou.
“Vamos trabalhar para ter um regulamento melhor, para que a lavagem de dinheiro seja cada vez mais difícil e que o país não seja um refúgio para ativos de criminosos”, prosseguiu o ministro, aproveitando para lembrar a ampla reestruturação em andamento no Conselho.
Moro, no entanto, considera os caminhos judiciais insuficientes para resolver o problema, aspecto que aponta como a principal motivação do novo governo ao propor um pacote completo, contemplando, além da própria corrupção, o crime organizado e o crime violento, pois todos estão relacionados, no seu entender.
Ao comentar o crime organizado, por exemplo, ele deu como referência a situação enfrentada pelo Ceará no início de janeiro, “um nítido caso de intimidação do Estado brasileiro, que requer uma reação incisiva para não deixar os criminosos cada vez mais poderosos e audazes”, afirmou.
Já o crime violento, o ministro coloca em patamar semelhante ao de uma guerra civil, frente ao recorde nacional de 60 mil homicídios registrado em 2016.
A corrupção, por sua vez, além de dilapidar o erário de uma forma geral, diminui a capacidade do Estado de adotar políticas públicas eficientes contra o clima violento e o crime organizado, contribuindo com isso para realimentar o círculo vicioso.
Após essa exposição de motivos, Sergio Moro resumiu os principais pontos do pacote, que deverá ser apresentado ao Congresso Nacional após o restabelecimento do presidente da República, Jair Bolsonaro.
 

Fonte: Reperkut

Sinfac-NCO
Rua Ângelo Dias, 11 - Salas 13/14 - Centro
Blumenau/SC - CEP 89010-020
(47) 99953-0154

Desenvolvimento | iForma